Três filhos, três meses de férias

Três filhos com 7, 10 e 13 anos três meses de férias e eu com apenas três semanas. O fim do ano lectivo vem sempre carregado de temperaturas elevadas e preocupações agravadas. O que fazer aos três nos próximos três meses menos três semanas? Todos os anos parece tarefa impossível arrumar no calendário tantos dias de férias.

Se por um lado os quero no sossego do lar, e conhecendo desde já as boas qualidades da playstation enquanto babysitter, por outro lado não os quero a esborrachar sofá o dia todo e a clicar em botões sem parar. Mas esta semana estão os três em casa. Também lhes sabe bem acordarem sem outros planos que não sejam brigarem uns com os outros. Combinei com a nossa Maria José assegurar uma parte da manhã (normalmente só lá está em casa de tarde) e já só ficam a sobrar três meses menos as minhas três semanas de semanas e menos esta semana. Estes dias, embora eu esteja a trabalhar, também têm um sabor a férias. Acordo mais tarde (isto é tão importante para mim). Levanto-me mais tarde (e sim Pedro, custa-me mais a mim do que a ti). Visto-me apenas a mim. Arranjo apenas um pequeno-almoço (por acaso hoje para começar saí de casa sem comer nada) e não chego atrasada, ou se chegar… não posso culpar ninguém, sou eu a única culpada (quer dizer, bem vistas as coisas, nos restantes dias do ano em que me atraso sou eu a culpada e injustamente muitas vezes culpo os miúdos).

Para a semana o Zé Maria vai fazer um ATL da Câmara Municipal de Alpiarça, o Kiki vai para os Pirilampos e o João Maria preenche a agenda pela Bijou, escadas do seminário e piscinas dos amigos ou recebe os amigos em nossa casa. Na semana a seguir segue o João Maria para o último ano de Pirilampos (ainda bem que os manos estão em 2 semanas diferentes) e ficam o Kiki e o Zé juntos no ATL em Alpiarça. De seguida chegam as minhas três semanas de férias e entra, cheio de força, o enorme mês de Agosto.

Meu querido e longo mês de Agosto ao qual se junta a primeira quinzena de Setembro: vamos ter de elaborar juntos um plano em parceria com as avós, primas, Maria José, playstation, o tomatal e a piscina do nosso quintal.

Todos os anos é a mesma coisa e todos os anos temos conseguido resolver. Parece quase magia como é que conseguimos encaixar três filhos três meses de férias em programas planeados e outros que vão sendo inventados.

E por aí?

 

 

2 thoughts on “Três filhos, três meses de férias

  1. Olá Patrícia existe no Porto umas semanas muito giras importantes e muito educativas ,que os meninos da golegā quase todos os anos vão , ou a titulo particular ou patrocinados pela camara municipal como premio de terem os meninos excelentes avaliações. Vão para o Porto participar na Universidade Júnior é muito bom e divertido 😄😄😃😃beijs 😘😘😘

    Liked by 1 person

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

w

Connecting to %s