no auge da minha vontade

foto Gonçalo Villaverde

será este o tempo do auge da minha vontade? o tempo em que mesmo quando não sei bem o que quero, continuo a ter certezas sobre tudo o que não quero. o tempo em que aprendi a gostar de passar mais tempo comigo, a ser mais tolerante, a desculpar mais os outros e a ser menos exigente comigo. o tempo em que o agora nem sempre tem de ser já. a certeza que um sorriso sincero é um benefício para a alma. a certeza em que não há nada de errado em estar tudo certo, mesmo que por pouco tempo, o certo é que, às vezes, tudo bate certo. a certeza que os ciúmes não são mais que a vontade que a saudade tem. a certeza que a saudade é boa e que a humildade e o orgulho não são o oposto um do outro. a certeza que nada é nosso, para além da nossa vontade. que o amanhã é não mais que a soma do ontem com hoje e o hoje a soma do ontem com o hoje. a certeza que melhor do que fazer amigos novos é manter os de sempre. que mais importante que agradar aos outros é ser agradável para com os meus.

é esta a idade em que se tornou simples aceitar que a verdade de hoje não tem de ser a de amanhã. aceitar que a minha opinião pode mudar e a dos outros também. aceitar que tudo passa e que não só nos piores mas, sobretudo, nos melhores momentos o pensamento deverá ser o mesmo “um dia, isto também passará” (obrigada Catarina).

One thought on “no auge da minha vontade

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s